A maioria das pessoas têm um cachorro com animal de estimação e de acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto QualiBest, os cachorros sem raça definida, ou os vira-latas, são os preferidos, seguido pelos cães de raças poodle, Pinscher, Labrador e Pitbull.

Os cuidados que o dono deve manter com esses animais varia conforme sua raça, mas é importante ter conhecimento sobre eles para assegurar a saúde e o bem-estar do seu animal. Conheça alguns exemplos.

O poodle pode ser encontrado em três tamanhos, como: Poodle Toy, Poodle Miniatura e Poodle Médio. São considerados como uma raça inteligente e obediente e, ainda, lidam bem com crianças, são amigáveis, ativos e aprendem rápido. Dessa forma, é necessário cortar os hábitos ruins rapidamente.

Seus pelos não caem quando estão mudando, por isso, escová-los com certa frequência é essencial para evitar o embaraço e incômodo para o animal.

Exige uma atenção nos olhos, pois lacrimejam com regularidade. Faça a limpeza diariamente ao redor dos olhos com um pano umedecido em água morna. Atente-se também as orelhas, pois cães de orelhas grandes podem desenvolver infecções com mais facilidade.

O labrador já é mais ativo, social e adora companhia, tem fama de gostar de banho e é uma das raças que nadam e ficam em contato com a água com tranquilidade.

Eles precisam de atenção para não adoecerem, pois são extremamente apegados aos seus donos. Trata-se de uma raça fácil de conviver e educar, porém, é necessário cuidados com a alimentação, pois eles possuem tendência em chegar ao estado obesidade, por isso, necessitam de exercícios diários.

O golden retriever, apesar da semelhança com o labrador, é diferente, pois sua origem é britânica. Trata-se de um animal muito dócil e companheiro. É bastante inteligente e pode aprender truques, por esse motivo é comum que seja usado como cão guia.

Uma de suas características é o comum interesse em agradar as pessoas, até quem não os conhece bem. Adora truques e, assim como o labrador, nada, por isso, precisa gastar energia.

O pug tem origem chinesa e é bem companheiro, suas características é de um animal carinhoso, adora ficar no colo e ter um tempo com a família. Sua personalidade é tipo ansiosa para agradar, aprender e amar quem está por perto.

Conheças dois tipos de terriers

A raça bull terrier são cachorros cômicos, brincalhões e levados. Essa raça é criativa e tem uma visão própria do mundo. São teimosos e precisam sempre praticar exercícios físicos e mentais diariamente.

Os cuidados com essa raça se resume a um bom conjunto de exercícios e estímulos mentais ou até ambos. Esta raça gosta muito de corrida, e hoje pode ser considerada como uma das raças mais ativas.

Os cuidados com o pelo são poucos, geralmente são brancos e tem a pele rosada. Por isso, passe protetor solar (para bebê) neles para evitar câncer de pele. Já o temperamento e características do yorkshire terrier são:

  • Alta energia;
  • Não precisa de muito exercício;
  • Tem médio apego com o dono;
  • Tímido com outros cães e animais;
  • Amigável com os estranhos;
  • Fácil de treinar;
  • Alto cuidado com o pelo;
  • Baixa tolerância ao frio;
  • Média tolerância ao calor;

Ele é aventureiro e encrenqueiro, dono de um temperamento forte, teimoso e, às vezes, pode ser agressivo com outros cachorros e animais pequenos. Pode ser educado para latir pouco. É uma raça inteligente e aceitam treinamento.

Ama atenção, mas não gosta de ser ignorado durante longos períodos de tempo. São ideais para quem mora sozinho, tem energia para brincar e, se acostumado, se confraterniza com cães e gatos.

Conheça mais sobre os rottweiler

O rottweiler é uma raça de caráter robusto, imponente e forte. Tem a fama de ser um cachorro bravo e intimidador, entretanto, é o oposto, ele é uma raça que tem um grande instinto de proteção e lealdade com seu dono.

É uma raça muito dócil, ou seja, um animal carinhoso. Trata-se de uma excelente companhia e pode ser treinado. Sua origem é alemã e sua expectativa de vida é de 8 a 9 anos. Ele é um cachorro que aprende rápido e é fácil de conduzir com rápidos treinamentos.

Com essas características, pode-se dizer que é um cão perfeito para desempenhar a função de cão policial, pastor em caso de fazendas e sítios, cão terapia e outras funções. Os rottweilers também precisam de uma ocupação e exercícios diários.

Também precisam de um local espaçoso para conseguir gastar suas energias e reduzir as chances de desenvolver um comportamento destruidor como, por exemplo, roer móveis, objetos, entre outros, que estejam no seu alcance.

Consulte uma loja de pet e saiba mais sobre essas raças.

As raças de cachorro mais famosas
Classificado como:                    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *